Garotas e livros

#Resenha: Sussurro

Por 17:06 5 comentários
Boa tarde pessoas!!!

Acabei de ler Sussurro e vim aqui correndo escrever o que achei. O livro é ótimo! A história, perfeita! Li o livro em dois dias.... É, vocês podem dizer: Puxa.. mas você não tem nada mais pra fazer não é!? Tecnicamente não. Bem, ter tem né!? Mais como estou impossibilitada fisicamente, sem poder andar, então... só me resta ler! =D   Este livro foi, com certeza, uma das melhores leituras este ano.
Agora vou partir para House of Night. Em breve mais resenhas!!!



Sinopse:

Um juramento sagrado
Um anjo caído
Um amor que não deveria existir

Entrar em um relacionamento não era exatamente parte dos planos de Nora Gray. Embora sua melhor amiga Vee, vivesse empurrando garotos para cima dela, Nora nunca se sentiu atraía por nenhum deles. Pelo menos até a chegada de Patch. Seduzida por seu sorriso despretensioso e pelo olhar que parece enxergar através dela, Nora se sente incapazd e pensar com clareza. É quando uma sucessão de acontecimentos assustadores começa a cercá-la. Na busca de respostas, ela se aproxima de uma verdade que pode ser ainda mais avassaladora que qualquer das emoções que Patch a faz sentir.De repente, Nora está no centro da eterna batalha travada entre anjos caídos  seres imortais- e qunado chegar a hora de escolher um lado, a decisão errada poderá custar a própria vida.
Título: Sussurro
Autor: Becca Fitzpatrick
Editora: Intríseca
Ano: 2010
Páginas: 264


Para uma menina de 16 anos, Nora Gray tem uma vida calma e sem agitações. Cursa o segundo ano do ensino médio na Coldwater High e sempre foi boa aluna. Com o toque do sinal, foi em direção a sua carteira dupla, onde sentava ao lado de sua melhor amiga Vee. O técnico McConaughy começou a aula com novidades, a turma vai trocar de parceiros. Eis que quem se senta ao lado de Nora é o aluno novato, super misterioso. Ao olhá-la, os cantos da boca ergueram em um sorriso, porém, não era um sorriso amistoso e sim que revelava encrenca, muita encrenca.
Fatos estranhos começam a ocorrer na vida de Nora. Ele supostamente vê coisas acontecerem com ela, mas quando outra pessoa olha, é como se nada tivesse acontecido. Preocupada de estar ficando louca, Nora também sente que há alguém a seguindo por onde ela vai. Sempre um calafrio percorre seu corpo com tal pressentimento. Ela não sabe quem é, nem porque a persegue. Ao mesmo tempo, seu novo colega de biologia, Patch, sempre está nos lugares em que ela está. Simplesmente ele surge. E ela começa a achar que ele está atrás dela.
Com medo de seu olhar e de seu sorriso ameaçador, uma parte de Nora quer se afastar dele, sair correndo para nunca mais vê-lo; Outra parte porém se vê altamente atraída por ele. É como se ela quisesse o perigo. Quando ela está com Patch, ela não pensa logicamente, ela se sente afetado por ele, mesmo assim, quer ficar perto. Porém, Nora não sabe em que está se metendo. Patch é um cara misterioso, cheio de segredos. Age de modo sinistro, como se soubesse tudo sobre a vida de Nora. E o pior, é que ele sabia.
Nora se vê indecisa, em acreditar ou não no que ele diz. Na busca por respostas, ela enfrenta o desconhecido, ele enfrenta seu próprio medo. Com a companhia de sua amiga Vee, ela caça informações aonde der, tentando montar este quebra-cabeça que se tornou a sua vida. A investigação torna-se perigosa, e ela realmente não sabe se está preparada para saber a verdade...

"Os olhos de Patch eram como órbitas negras. Absorviam tudo e não devolviam nada. Não que eu quisesse saber mais sobre ele. Se não gostei do que vi por fora, duvidada de que fosse gostar do que espreitava lá dentro.
O único porém é que isso não era verdade, Eu adorei o que vi. Músculos longos e esguios nos braços, ombros largos, mas relaxados, e um sorriso que era meio debochado, meio sedutor. Estava difícil convencer a mim mesma de que deveria ignorar algo que já começava a parecer irresistível."



Anjos. Depois de muito tempo eles voltam a preencher a lista de sucessos na literatura. Sussurro me surpreendeu mais do que imaginava. Becca Flitzpatrick tem um dom particular de escrever. A narrativa é rica, porém fácil de ler, gostosa. A capa do livro é realmente INCRÍVEL! Eu adorei! Vou esperar com muita ansiedade o lançamento de "Crescendo", que tem previsão para o 1º semestre de 2011 aqui no Brasil.

Cheeiro^^



  • Compartilhe:

#Resenhas: O Clube das Chocólatras e A Dieta das Chocólatras

Por 11:12 4 comentários
Oi Pessoal!!!! Como estão? Todos bem!???  Vou dizer que hoje estou muuuiito feliz!!! É que chegaram os livrinhos que compreii^^  É sempre assim quando eu compro livro! Pareço uma criança que recebeu o presente dos seus sonhos!!! Feliz eu vou estar quando chegar a fatura do cartão de crédito!  Bem ,mas isso não vem ao caso agora! Apesar de ter participado de inúmeras promoções para ganhar o livro sussurro, eu não consegui.=/
Não satisfeita eu tive que comprar! E comprei também alguns livros da série House of Night. Me falaram muito bem deles, então resolvi comprar os três primeiros da série... [Por enquanto, claro... faltam só seis!].



Enfim, como estou aqui felicíssima vou falar para vocês sobre uns dos livros mais gostosos que já li!
A começar pelo primeiro volume, O Clube das Chocólatras, indicado por uma amiga super querida, a Bruna Kitty!
Agora, deliciem-se...



-- Quero mais — disse eu.
 — Tem certeza? — indagou meu fornecedor, arqueando as sobrancelhas. 
— Sei qual é o meu limite. 
— Mas está exagerando na dose — avisou ele. — Até mesmo você, viciada convicta
— Jamais!

Nos momentos de crise, eu sempre recorria à minha droga favori­ta, o Madagascar, oriundo de uma única plantação. Não existia nada, absolutamente nada, que ele não curasse. Era um santo remédio para qualquer coisa, de coração partido a dor de cabeça, e garanto que já tivera de enfrentar uma boa dose de ambos os problemas.


Choco­late... Hum. Hum. Humm! Delicioso, cremoso, adocicado, tudo de bom! Eu sempre queria mais!



Lucy Lombard é uma das integrantes do Clube das Chocólatras. Um grupo formado por quatro amigas que se encontravam algumas vezes no seu santuário, ou melhor, numa chocolataria denominada Paraíso do Chocolate.

Lucy, Nadia, Autumn e Chantal se conheceram no Paraíso do Chocolate e desde então se tornaram amigas! Unidas por uma paixão em comum, passaram também a compartilhar suas histórias, vidas e emoções. Cada uma com problemas e crises diferentes, uma com um marido viciado em jogos, outra com um namorado infiel, a outra tinha um marido que não transava com ela e outra solteira... há tempos.

Sempre que se tem um problema com uma delas elas mandam uma mensagem de texto escrito EMERGÊNCIA CHOCOLATE e todas tentam deixar suas obrigações para irem ao santuário se encontrarem. Cada uma delas tem estilos de vida diferentes, trabalhos diferentes e problemas diferentes. Lucy, uma viciada em chocolate convicta, trabalha na Targa, uma empresa de informática especializada em recuperação de dados. Morava sozinha e namora o Marcus há cinco anos. Nadia é a única mãe do grupo; é casa com Toby e tem um filho de três anos, o Lewis. Ela abdicou o seu emprego para cuidar mais do filho e, apesar dos problemas, formavam uma família feliz. Autumn era professora em um instituto de reabilitação para jovens drogados; ela trabalhava com vidros e cristais. Morava sozinha; Tinha um irmão que só vivia aprontando e pais que trabalhavam demais. Chantal era a mais velha do grupo e a mais bonita e charmosa. Era casada com um gênio do setor financeiro, um homem lindo, mas que perdera o apetite sexual há tempo.

Inusitadas situações acontecem com as participantes do Clube das Chocólatras. Desde casos mais simples a outros maiores, como um assalto, elas sempre estão juntas e prontas para o que der e vier. É uma história deliciosa! Não tem como não se encantar. Pra quem curte chocolate, então...

— Ao Clube das Chocólatras — disse eu. — Que dure muito tempo!

A bem da verdade, os homens das nossas vidas podiam ir e vir, podiam nos deixar tristes ou nos fazer felizes, que, seja lá o que acon­tecesse, contávamos umas com as outras e com chocolate. Ninguém tiraria isso de nós.


A outra gostosura é a Dieta das Chocólatras, que eu li pelo e-book mesmo! Imperdível!!!



     Descobri que há dois tipos de mulheres. As fissuradas por chocolate e as nojentas. Estas são do tipo que diz: "Ah, imagina se eu consigo comer um tablete inteiro de Mars, é enjoativo demais!" ou "Um quadradinho de chocolate amargo é mais do que suficiente, você não acha?". Isso enquanto consomem com moderação um salgadinho Twiglet, como se ele fosse um substituto adequado para o mais puro prazer. Fala sério!

Na parede do Paraíso do Chocolate foi colocada uma placa de cerâmica divertida.


Dicas de sobrevivência nos momentos de estresse:

1. Respire fundo

2. Conte até 10
3. Coma chocolate
Eu respirava fundo, contava só até três e, então, devorava um chocolate! Hummm

O natal se aproxima e as participantes do Clube da Chocólatra de encontram mais uma vez no Paraíso do Chocolate. Elas se acomodam no seu cantinho de sempre e ali desfrutam dos melhores chocolates da Inglaterra.
Todas fazem planos para o natal, época de reunião familiar. Apesar de algumas não quererem passar a festa com a família. Autumn vai para a casa dos pais, aproveitando para apresentar o novo namorado, que não condiz com conceitos de bom marido para a filha. Nadia vai passar o natal em casa com o marido, que diz ter parado com o vício, o filho Lewis e os sogros. Chantal vai para um hotel com o marido Ted, na intenção de reconquista-lo. E Lucy... Bem, Lucy não sabe o que fazer. De jeito nenhum quer ir para a casa da mãe ou do pai, seu namorado que tanto a amava não dá notícias há semanas e o ex super gato volta a procurá-la.
Mas elas tinham o chocolate para aliviar as tensões, esquecer um pouco dos problemas. Eis que descobrem um spar de chocolate chamado "Derretido" e foram lá! ADORARAM! Tem algo melhor do que máscara para pele de chocolate??? Mas é lá que Chantal descobre algo que definitivamente não estava nos seus planos, não agora.
Voltaram radiantes do fim de semana, prontas para enfrentarem os problemas!
Tantas idas e vindas, encontros e desencontros. Amores que vão e amores que ficam. Este livro promete ser muito mais gostoso que o primeiro. O quarteto mais que fantástico continua se metendo em confusões, desta vez beeem mais sérias e por pouco não vão parar no xadrez. Por causa do queridinho irmão da Autumn, Richard, elas vão ao encontro de bandidos perigosos para entregar uma "encomenda" que estava pendente.


— Onde você vai deixar a mochila?
 —Temos que esperar aqui até eles virem. Todas nos viramos e fitamos Autumn.
 — Eles estão vindo para cá Agora?

Ela deu a impressão de estar desconcertada.
-- Isso mesmo. Achei que soubessem disso.
 — Pensei que a gente só ia deixar a mochila e ir embora. Daí eles passariam um pouco depois e a pegariam.
 — Acho que não funciona assim — explicou Autumn, nervosíssima. —Talvez porque tenham que conferir se a mercadoria é autêntica.
 — Creio que você quer dizer se o pó é classe A — corrigiu Nadia.
Para um membro limítrofe da comunidade criminosa, fazia falta a Autumn alguns termos usados pela bandidagem. Ainda falava como a assistente social ruiva e totalmente otimista que era. Minha nossa!

Ah, merda! A polícia chegou!!!
                                                                    ***
— Mal posso acreditar! Tivemos muita sorte de não ir parar no xadrez. —disse Lucy . Viu só como as gírias de bandidos entravam com facilidade no meu vocabulário?


Apesar de todas as confusões, de todos problemas, as amigas sabem que podem contar uma com a outra sempre! Mais uma vez reunidas no Paraíso do Chocalate, elas celebram a vida, as vitórias e a amizade, que é o que torna a vida mais gostosa! Junto ao chocolate, claro! 

Diamantes que nada! O melhor amigo das mulheres é o chocolate!!!


Megaaaa recomendo!!!
  • Compartilhe:

#Resenhas: Últimos livros lidos

Por 22:27 6 comentários
Oi Galeree! 

Hoje eu venho falar um pouco de alguns livros que li recentemente. Livros muitos bons, vale salientar. Uns eu tenho em casa, outros li pelo e-book mesmo. Não é todo tempo que disponho de dinheiro para manter o meu vício.   Estava tentando escrever este post há tempo, mas a preguiça não deixava. Coloquei até uma música agora para ver se deixava fluir, mas ela acabou me irritando.... Bem, desligando o Media Player e tentando me concentrar. 


A Cabana - WilliamP. Young

A Cabana foi um livro em que eu me encontrava numa expectativa tremenda! Todo mundo falava dele, uns coisas boas, outros que não prestava. Então, fui logo ler. Queria uma opinião própria.
Mack Allen é um pai de família que passa por uma tremenda tribulação em sua vida. No que era para ser mais um acampamento no fim de semana com os filhos mais novos, acabou se tornando o pior pesadelo de Mack. Sua filha mais nova, Missy foi raptada e evidências de que ela foi assassinada foram encontradas em uma cabana abandonada.
Após anos vivendo em depressão e angústia, Mack recebe um bilhete convidando-o a voltar à cabana onde tudo aconteceu. Este bilhete vem assinado por Deus. Mack acha que é uma brincadeira de mau gosto e tenta esquecer, mas algo lhe diz para ir ao encontro de sua dor, de sua Grande Tristeza. Desconfiado, ele vai até a cabana numa tarde de inverno e o que ele encontra muda sua vida para sempre.
Respostas. Mack busca respostas e encontra conceitos, perguntas e mais dúvidas. Mas ao final de tudo ele encontra esclarecimento. Ele mesmo se torna capaz de esclarecer suas questões. O que é oferecido a Mack, é muito mais do que explicações. Lhe é oferecido a vida, uma nova compreensão do ser. Um novo olhar sobre as pessoas e as coisas, um entendimento além daquilo que imaginamos.
Amor, liberdade, perdão, moral, falsos julgamentos, relacionamentos, confiança, verdade, fé. Mack ouve e aprende a cada momento os verdadeiros conceitos da vida. Ele aprende a dar valor a cada segundo, ele busca a verdade e conhece a verdadeira liberdade. Em um mundo injusto, cruel e atroz, se faz necessário entender de uma maneira mais profunda o sentido da vida. William P. Young nos leva a parar e pensar verdadeiramente.

Cada um de nós tem sua dor, sua grande tristeza. Cada um tivemos nossas próprias perdas, nossos sonhos interrompidos. A busca por respostas é que move o ser humano. Nós somos o que somos porque sempre buscamos entendimento, buscamos aperfeiçoamento, por isso nos desenvolvemos tanto. Mas porque coisas acontecem? Porque ninguém impede de coisas ruins acontecerem? Independentemente de religião, este é um livro que eu recomendo. Fala-se de um Deus, que vive e conhece cada um. O livro nos abre a mente para novos questionamentos. Não sei se você vai acreditar na história de Mack ou não. Eu acredito. 

Para conhecer mais acesse: A Cabana


A Ditadura da Beleza e a Revolução das Mulheres - Augusto Cury


Augusto Cury, grande pesquisador e psicólogo é considerado por muitos apenas um autor de livros de auto-ajuda. Bem, não vou dizer se é verdade ou não, pois só li dois livros dele, então é muito cedo pra dizer alguma coisa a respeito de tão grande escritor. Li recentemente seu livro "A Ditadura da Beleza e a Revolução das Mulheres" e amei. Este é um romance muito interessante que foca as mulheres em todo o mundo.
Este livro retrata a vida de milhares de mulheres que lutam para manter o corpo dentro do "padrão de beleza" exigido na sociedade atual. O culto ao corpo tem feito com que milhões de pessoas se submetam a rigorosos regimes, a plásticas, botox, silicones, lipoaspirações entre tantas coisas. Uma pesquisa feita no mundo diz que 70% das mulheres não estão felizes com seu corpo. O problema é que quando queremos mudar, queremos que aconteça da forma mais rápida possível; assim passamos por situações de risco em nossa saúde. 
A mídia contribui muito para que este "padrão de beleza" doentio prevaleça. Ela joga imagens de pessoas praticamente "perfeitas" todos os momentos, essas imagens são guardadas involuntariamente em nosso consciente e a cada imagem armazenada, maior é a percepção de uma "perfeição" em nossas mentes. Quando nos olhamos no espelho e achamos algum defeito, a primeira coisa que vem à memória é a imagem de uma mulher linda, magérrima e perfeita. Então passamos a nos controlar para chegar à perfeição. Mas as próprias modelos, que para nós são ícones de beleza, passam por essas mesmas crises. Passam o dia sem comer quando tem desfiles que é para não ficar com alguma saliência na barriga, ou quando comem é uma folha de alface. Elas se punem tanto quanto aquelas que não tem o dito padrão de beleza. As mulheres ficam vulneráveis a adquirirem doenças como bulimia e anorexia. Algumas, por não gostarem de si mesmas, tentam  contra a própria vida.  E isso é vida??? Augusto Cury mostra como as mulheres podem vencer este quadro, como dar uma virada em sua vida. Algumas representantes de revistas femeninas de todo planeta se reúnem para debater o tema, e conhecer esta síndrome que afeta tantas mulheres e em tantos lugares. 
Se cada um tem sua beleza própria, com seus traços e definições, porque existir um padrão de beleza? Não faz sentido, se somos todas diferentes. Muitas mulheres e alguns homens que se dedicaram a lutar contra essa ditadura da beleza não sabe o quão difícil será. Grandes obstáculos virão, sempre. É essa batalha contra esse mal que atinge mulheres, homens, adolescentes e até crianças que o livro narra. Pode ter certeza que ele vai causar um forte impacto em você.
A Universidade Federal de Pernambuco apresentou recentemente uma pesquisa sobre crianças que estão deixando de brincar para se preocupar com o peso. Em entrevista ao Jornal Hoje, a pesquisadora Ana Mércia diz que "quando a criança se nega a comer, não consegue ingerir nada e cada vez mais a perda de peso é galopante podendo chegar a um caso de desnutrição, muitas vezes chegando até a morte." A pesquisa aponta que isto está ocorrendo entre meninas de 10 a 14 anos.  
Temos que despertar pra isso. A situação tem ficado cada vez mais séria. A infância está sendo perdida pela preocupação com a vaidade. Para se sentir feliz e realizada não tem que deixar de comer, e sim comer bem, com variedade e em horário adequado.
Para quem quer acabar com essa ditadura da beleza, seja bem vinda! 

  • Compartilhe:

Senta que Lá vem História...

Por 22:41 8 comentários

Você lembra desta frase??? 
Pra quem viveu sua infância nos anos noventa pode dizer: Foram os melhores!!!


Quem não lembra das músicas do Mamonas Assassina, do O Fantástico Mundo de Bob e até mesmo do Teletubbies?
É.... bate uma saudade... Para mim, até agora os anos 90 foram a melhor fase da minha vida e como é bom lembrar deste tempo. Vez por outra meus amigos da faculdade e eu ficamos lembrando das aberturas dos desenhos com suas músicas; e ficamos ali, nos corredores da universidade cantando... Que lindo!!! rsrsrsrsrsrs


Amigos reunidos, bagunça a vista! Para garantir a diversão das tardes tínhamos alguns jogos; dentre eles o Banco Imobiliário, War, Detetive, Pula-pirata, Cara maluca, Forte Apache, Walk talkie, Lego (quantos zords eu já montei com esse brinquedo...), Barbie, Susi, Super massa, Sorveteria e pipoqueira da Eliana, patins, Patinete, Pequeno engenheiro, os bonecos dos Power Rangers e  Os cavaleiros do zodíaco. Tinha também os Tazos e os brinquedos do Kinder Ovo, que colecionávamos a custa de muito salgadinho e chocolate. Além das brincadiras mais clássicas como pega-pega, pula corda, elástico, amarelinha, batata-quente, passa anel, empinar pipa, stop ou esconde-esconde.

E sem esquecer também dos games, como o Super Nitendo, Sega CD, PlayStation, Nitendo 64, Game Boy Color entre outros, nos quais passávamos horas jogando Super Mário, Sonic, Mortal Kombat, Street Fighter, Doom, Fifa Soccer, Donkey Kong, etc.


Depois de tanta brincadeira a gente cansa né!? Que tal um refrigerante Taí? Ou tantos outros doces que amávamos (alguns ainda amo**)? Yakult, DinOvo, chicletes bubbaloo, pirulitos Push Pop e Pirocóptero, Sorvetes Fruttily, Sem parar, salgadinhos Cheetos, Negresco, Trakinas e Passatempo,, Ioiô-Mix, palitinhos Look, Danoninho, Kinder Ovo, Baton, Chokito, Moedas de chocolate, Guarda-chuvinha de chocolate e o  McLanche Feliz.



 E aí? Essas coisas te lembram velhos tempos? Ou melhor, Bons Tempos, já que não somos nem tão velhos assim... Mas me diz,  quem nunca teve vontade de abrir aquelas mini garrafinhas com líquido preto da Coca-Cola para saber qual era o gosto??? (o/ o/ o/ o/). Quem nunca achou uma tartaruguinha dentro do Kinder Ovo ou nunca teve um gelouco??? 

Uma mania que surgiu nos anos 90 foi um brinquedinho japonês,o tamagotchi, conhecido também como bichinho virtual. Era uma epidemia geral. Todo mundo tinha um bichinho virtual! Eu mesma tive três! Em um amigo secreto na escola eu dei um de presente e ganhei outro igualzinho! E ele dava tanto trabalho quanto um bichinho real. Ou dava até mais trabalho, como quando ele me acordava apitando em plena madrugada querendo banho, carinho, comida e tantas outras exigências do bichinho.

A nossa manhã era cheia de desenhos apresentados pelas loiras Xuxa, Angélica e Eliana, que traziam a alegria para o nosso dia. A programação era recheada de aventura, comédia e mistério. A família dinossauro, A turma da Mônica, Bananas de pijamas, Capitão Planeta (Vai Planeta!!!), Caverna do Dragão (até um dia desses passava... e eu nunca vi o final deste desenho...), Cocoricó, O Fantástico mundo de Bob, Digimon, Doug, Garfield, Dragon Ball Z, Luluzinha, Looney Tunes, Thundercats, Os cavaleiros do zodíaco, Inspetor Bugiganga, O laboratório de Dexter, Pokémon, Animaniacs,  O Máskara, Pink e Cérebro, He Man, Tartarugas ninjas, Rugrats - os anjinhos, Taz mania, Teletubbies, Tico e Teco, Timão e Pumba, Ursinhos carinhosos, Tom e Jerry, os Simpsons entre muitos outros.








Outras animações também nos grudava no sofá como Castelo Rá-Tim-Bum, X-Tudo, Glub-Glub, Programa Rá-Tim-Bum, Topa tudo por dinheiro, Passa ou repassa, Bom Dia & Cia, TV Colosso, Xuxa Park, Angel Mix, Bambuluá, Sai de Baixo, Os Trapalhões, A escolinha do Professor Raimundo e Malhação. 


Muitos filmes também marcaram a nossa infância. Como 101 dálmatas, A bela e a fera, Aladdin, Gasparzinho, Parque dos dinossauros, Mulan, O máskara, O rei leão, Pocahontas, Space Jam, Toy story e Vidade inseto. Titanic também entra em nossa lista assim como Ace ventura, Corra que a polícia vem aí, Diário de um adolescente, Edward mãos de tesoura, Esqueceram de mim, Ghost, Homens de preto, O pestinha, O sexto sentido, Riquinho, Chuck- o boneco assassino, Entrevista com o vampiro, ente outros.

Lembranças de bons momentos, de uma infância feliz, de uma passado significativo. São bons tempos guardados em nossa memória.
"O tempo bom existe sim e ele sorri pra quem quiser viver; O bom momento vai estar pra sempre na sua mente, basta lembrar pra vida ficar diferente! Os bons tempos são reais, só que bom tempo vem e vai..."


Fonte: Revista OffLine - offline.com.br                                                             
  • Compartilhe:

Top 10

Por 20:12 2 comentários
Oie galera!!!
Minha grande amiga Bruna Kitt  (Lá de SP) me indicou para fazer este Post "Top 10".
Foi pedido para selecionar meus 10 livros favoritos. Pense numa dificuldade!!!! Meu Deus! Só 10! Isso é um absurdo!!!!
Mas depois de muito pensar, muito escolher, muito excluir, eu consegui selecionar 10 livros.. =/
Bem, eles não estão na ordem de preferência; até porque eu acho que nem tenho esta ordem... 8D
Mas segue uma foto montagem com áudio; só para relaxar um pouquinho!!!!

Ah! Já ia me esquecendo! Eu indiquei alguns amigos para fazerem este Post também... As lista dos sorteados se encontra no final do vídeo. Então, vejam... e comentem....







Beijinhos para vocês, amores....

Até o próximo!!!
  • Compartilhe:

Translate

Garotos são bem-vindos!

Google+ Badge