Garotas e livros

A Filha da Minha Mãe e Eu - Maria Fernanda Guerreiro

Por 15:23 16 comentários



A Filha da Minha Mãe e Eu

Autora: Maria Fernanda Guerreiro
Editora: Novo Conceito
Ano: 2012
Páginas: 272



Sensível e tão real a ponto de fazer você se sentir parte da família, A filha da minha mãe e eu conta a história do difícil relacionamento entre Helena e sua filha, Mariana. A história começa quando Mariana descobre que está grávida e se dá conta de que, antes de se tornar mãe, é preciso rever seu papel como filha, tentar compreender o de Helena e, principalmente, perdoar a ambas. Inicia-se, então, uma revisão do passado – processo doloroso, mas imensamente revelador, pautado por situações comoventes, personagens complexos e pequenas verdades que contêm a história de cada um.

Sabe qual foi a primeira coisa que eu tive vontade de fazer assim que terminei o livro? Foi de ficar em pé e bater palmas. A segunda coisa foi pegar o computador correndo e escrever sobre um dos melhores livros que já li.

Não imaginei que uma história entre mãe e filha pudesse ser tão bem retratada como foi neste livro. A Maria Fernanda Guerreiro soube utilizar a delicadeza e a força de um amor que é a essência de tudo para muitas pessoas, o amor materno.

A estória é contada por Mariana, filha de Helena e Tito e irmã de Guga. Como a narrativa é em primeira pessoa, os sentimentos e dúvidas de Nana – como é carinhosamente chamada - são tão claros e tão comuns que a cada capítulo, algo me identificava a ela. Depois que Nana descobre que está grávida, decide fazer uma revisão em seu passado e compreender sua história como filha e o papel de sua mãe, repensando o relacionamento conturbado que tinham. Para isso, ela nos leva à sua infância, com as lembranças de uma vida que nunca foi tão fácil, mas, por vezes, ela fez parecer mais difícil do que realmente era.

"A verdade é que éramos duas estranhas que não sabiam  demonstrar o sentimento que a outra precisava. De repente, tudo me pareceu tão simples e o tempo entre nós tão desperdiçado. Era fato que o amor existia entre mãe e filha, mas os caminhos para demonstrá-lo não tinham sido os mesmos."

Tratada com uma delicadeza e uma profundidade sem igual, os fatos levantados retratam uma vida em família com problemas comuns a todos nós. A infância, o turbulento período da adolescência, o fator de que ‘o pai gosta mais de um filho e a mãe de outro’, paixões, brigas, tragédias. Tudo isso dentro de um contexto familiar jamais escrito de forma tão comovente.

"...A sensação que tive foi a de que, até aquele momento, nós duas havíamos ensaiado uma peça e que, só agora, após tantos anos, iríamos finalmente estrear em nossos papéis: ode mãe e o de filha."

Este livro é muito mais que uma ficção. É uma história tocante e emocionante que nos faz perceber quanto o amor é capaz de superar as dificuldades da vida.

Meus sinceros parabéns à autora Maria Fernanda, que soube conduzir com perfeição e de forma tão profunda o relacionamento mãe/filha. Parabéns também à Editora Novo Conceito, que nos presenteou de forma tão bela, com esta obra tão maravilhosa.



Tá participando do Top Comentarista??? Comentou aqui? Preencha o formulário, então! =)Para participar, é só preencher o FORMULÁRIO! 

Você Deve Gostar Disto:

16 comentários

  1. Eu nunca leio autoras brasileiras, nunca mesmo, mas esse livro promete revelar para mim uma ótima surpresa.

    ResponderExcluir
  2. Olha, eu ja tinha visto esse livro nos lançamentos da NC, mas sério sua resenha me fez ficar com vontade de ler ^^
    E esse livro faz chorar? rsrs eu amo livros que emocionam !
    http://blogdamazzei.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Ola!!
    Eu amo estes livros comoventes tenho certeza que vou chorar horrores!!!rsrsrsrs
    Não tem nada mais tocante do que esta relação mãe/filha.

    ResponderExcluir
  4. Oi Danni!
    Eu como mãe de uma menina de 11 anos, e filha da minha mãe, acho que iria me emocionar muito com esse livro. Anotadinho aqui!
    Beijos... Elis Culceag. www.arquivopassional.com

    ResponderExcluir
  5. Ah que resenha fofa...
    Sério, disse a pouco em outro blog: não dava nada por este livro.
    Título desinteressante, a sinopse sem tanto atrativo... pensei que seria péssimo.
    Mas pelo visto estou enganada... ainda assim, não pretendo comprá-lo, mas se chegar em minhas mãos lerei sem problemas.
    Pq pelo visto elas demoram a perceber, mas conseguem dar um reset na relação e começar bem, para o bem de todos. Esse "lance" de irmão favorito... sempre acontece...kkk e acaba dando confusão...

    ResponderExcluir
  6. É de fazer chorar, não é?
    Pô, Danni. Como é que você faz isso comigo? Pelo jeito você praticamente comeu o livro.
    Pensei que quando você ia dizer que quando acabou o livro, correu para sua mãe e deu um abraço bem grande nela.
    Quero ler. Ótima resenha.

    ResponderExcluir
  7. Hahahaha
    Vivi, claro que tive vontade de abraçar minha mãe e dizer o quanto a amo. Mas minha mãe é o oposto dessa aí da estória. Então, não dá pra comparar as mães de jeito nenhum. Era mais fácil comparar com meu pai.. =P
    Bjs

    ResponderExcluir
  8. Fiquei curiosa agora Danni! Sempre via o livro não conseguia me interessar, não imaginava que a história poderia ser boa assim. Quero ler! Hehehe
    Bjão!
    Camila
    http://meulivrocorderosa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Nossa! Fiquei emocionada só de ler seus comentarios..... srsrrsr
    Pelo titulo, confesso que não iria procurar para ler, mas agora bateu uma vontadinha!!!!

    parabens!

    ResponderExcluir
  10. Tô louca pra ler esse livro.Ótima resenha.bjsss
    http://mania-de-livros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. realmente, o livro parece ter uma história linda :)
    a começar pela capa, ele já é lindo!
    já está na minha wishlist, adoro livros emotivos!
    parabens pela resenha e parabens à novo conceito!
    beijos

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    Que resenha incrível você mostrou bem a emoção da leitura, não estava com tanta vontade de ler este livro, mas após a sua resenha fiquei curioso. Parece se tratar de uma história muito comovente...

    Parabéns pela resenha!
    Beijos
    http://livrosemaisseries.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Gostei mesmo da resenha, parebéns.
    Parece ser mais um livro que vai estar escrito no meu livro de livros favoritos ;)

    ResponderExcluir
  14. otima a sua resenha
    Da pra ver que vc se emocionou lendo o livro.
    acho que é a primeira vez que vejo um livro falando sobre o relacionamento de mãe e filha,
    Na peimeira oportunidade lerei esse livro !!!

    ResponderExcluir
  15. Parece ser muito bom o livro... agora fiquei curioso!

    ResponderExcluir
  16. Oi Danni, muito obrigada por suas palavras tão doces e vivas.
    Um beijo com carinho,
    Maria Fernanda Guerreiro

    ResponderExcluir

Translate

Garotos são bem-vindos!

Google+ Badge