Garotas e livros

Enfeitiçadas / Jessica Spotswood

Por 23:27 8 comentários

Quando peguei esse livro, nem tinha tanta fé assim nele (apesar da capa linda). Mas, de fato, me surpreendeu. Quando percebi, tive que deixar de sair numa noite, para terminar logo! rs Confiram aí...


Antes do alvorecer do século XX, um trio de irmãs chegará a idade adulta, todas bruxas. Uma delas terá o dom da magia mental e será a bruxa mais poderosa a nascer em muitos séculos: ela terá poder suficiente para mudar o rumo da história, para suscitar o ressurgimento do poder das bruxas ou um segundo Terror. Quando Cate descobre esta profecia no diário de sua mãe, morta há poucos anos, entende que precisa repensar seus planos. Qual será a melhor opção: servir a Irmandade, longe dos olhos vigilantes dos Irmãos Caçadores de Bruxas, aceitar uma proposta de casamento que lhe garanta proteção e segurança ou abandonar tudo e viver um grande amor proibido?






Título Original: Born Wicked
Autora: Jéssica Spotswood
Editora: Arqueiro
Ano: 2014
Páginas: 271



     Voltemos ao final do século XIX, e vamos conhecer a história de três lindas irmãs. Cate, Maura e Tess Cahill. Parecem ser três pobres meninas que perderam logo cedo sua mãe. Só o pai lhe restara, mas sempre vivia viajando, e deixava as garotas na mansão sozinhas com os criados, com Cate sendo, por ser a mais velha, a dona da casa. Mas as garotas tinham um grande segredo. Elas eram bruxas. E ninguém poderia saber, já que eram perseguidas. E antes de sua mãe morrer, Cate prometera cuidar das suas irmãs, e de não confiar seus segredos à ninguém. Até que um dia seu pai, quer que elas tenham uma governanta (quem dá ideia é a senhora Corbett, uma mulher do tipo fuxiqueira), pois iria ensinar as meninas a se portarem bem na sociedade, pois havia muito comentários de que elas eram muito estudadas (sim, isso não era coisa boa na época, já que as mulheres tinham que ser burras), e os Irmãos, já estavam desconfiados. Sim, os Irmãos controlam tudo na cidade, ou seja, a Fraternidade. E pune qualquer suspeita de bruxaria com a prisão, a internação num hospício ou a morte. 

"- Submissão- anuncia ele.- Vocês devem se submeter à nossa liderança. A Fraternidade irá conduzi-las pelo caminho correto e mantê-las inocentes em relação aos males do mundo. Sabemos que vocês querem ser boas moças. Sabemos que é apenas a fragilidade feminina que faz com que se desviem. Nós as perdoamos por isso.- A voz dele é cheia de compaixão paternal, mas seus olhos demonstram desprezo ao passarem por nós. - Iremos protegê-los de sua própria teimosia e vaidade. Devem se submeter à nossa ordem da mesma maneira que nos submetemos ao Senhor. Devem por seus amor e a sua fé em nós da mesma maneira que colocamos a nossa n'Ele.
    Maura e eu trocamos olhares de desdém. Amor e fé- até parece. "

E outro motivo para se ter uma governanta, era que faltava poucos meses para Cate fazer 17 anos. E nessa sociedade, as mulheres só tinham duas opções: Se casar, ou entrar pra Fraternidade. E ela teria que fazer os votos algumas semanas antes. Cate começa a se desesperar. Como vai cuidar de suas irmãs, se estiverem separadas? E se elas se descuidarem e as pessoas virem suas magias? Seu amigo de infância, Paul, depois de quatro anos fora, voltara e pretendia se casar com Cate. Pra piorar, ela recebe um bilhete dizendo que ela e suas irmãs corriam grande perigo, e ela precisava encontrar o diário da sua mãe, pra saber o porquê. E esse perigo se encontra numa profecia feita há muito tempo. Na qual dizia que antes de começar o século XX, três irmãs bruxas, sendo uma delas com o poder mental, iriam trazer de volta o comando às bruxas. Só que tinha algo a mais na profecia, que ela não encontrara. Se antes,já era difícil tomar conta das suas irmãs, agora parecia pior. O que poderia ser o resto da profecia? A cada dia que passava, era mais perto do dia da sua decisão. E pra piorar, ela começara a gostar de Finn (aah, Finn.... ) o jardineiro da casa, que a probabilidade de casamento era mínima, já que além de sua família estar pobre, eram considerados suspeitos para os Irmãos. E agora, o que Cate fará? Entrará pra Fraternidade, ou se casar com Paul, que ela só tinha como amigo, mesmo gostando de outro? Qual a melhor decisão pra que ela fique perto de suas irmãs para protegê-las?

"Ele [Finn] fixa o olhar no meu por um momento - o suficiente para me deixar corada e arrepiada -, então começa a soltar o mato que foi crescendo  ao redor das rosas. Eu me balanço sobre os calcanhares e fico observando os dedos dele se mexerem, separando as folhas com delicadeza.
Ele é tão tentador... Quando estou com ele, tenho vontade de esquecer tudo sobre profecias, obrigações e irmãs. Quero ser uma garota normal e apaixonada."

     Bem, eu realmente curti a história. Estou esperando ansiosa pela continuação! Os personagens são ótimos. Cada irmã, uma personalidade tão diferente, e cativantes! Cate sempre fora mais aventureira, gosta de diversão. Mas desde que sua mãe falecera, e colocara a responsabilidade de suas irmãs nas suas mãos, ela ficara mais séria. Maura, amava ler romances, mas também era a que mais implicava com Cate, não querendo obedecer. Quanto a Tess... ela parece mais um anjo. Pense numa menina fofa! rs E tantos e tantos outros personagens, que tem uma enorme importância. Super recomendo galera!






Você Deve Gostar Disto:

8 comentários

  1. Eu quero muito ler ele, também achei essa capa linda de morrer. Se não tivesse achado a história interessante eu compraria pela capa (julgaria melhor dizendo e compraria kkkkkk). Mas estou lendo séries e quero acabar de ler antes de comprar mais, pois livro parado na minha estante me dá agonia
    srsrsrs
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Oi,
    esse livro parece realmente ser bom, com certeza irei ler! :D E o comentário que vc postou sobre o livro é muito bom e convincente, parabéns!

    Abraços e boas leituras! :t

    http://amandatrindadepalavrasaovento.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

  3. oque seu blog nos transmite é muito bom Parabéns

    ResponderExcluir

Translate

Garotos são bem-vindos!

Google+ Badge