Garotas e livros

Uma curva no tempo - Dani Atkins

Por 01:13 6 comentários




Sempre que gosto muito de um livro, acho difícil escrever sobre ele. Com este não é diferente. Foi um livro lindo que tive o imenso prazer de ler. Embora muitas pessoas não tenham gostado, eu recomendo logo de cara: LEIAM. É doce, triste, envolvente, belo. A Dani (xará o/ ) tem uma escrita que prende e criou uma história que mexeu muito comigo. Espero que vocês leiam e curtam tanto quanto eu.

A noite do acidente mudou tudo... Agora, cinco anos depois, a vida de Rachel está desmoronando. Ela mora sozinha em Londres, num apartamento minúsculo, tem um emprego sem nenhuma perspectiva e vive culpada pela morte de seu melhor amigo. Ela daria tudo para voltar no tempo. Mas a vida não funciona assim... Ou funciona?
A noite do acidente foi uma grande sorte... Agora, cinco anos depois, a vida de Rachel é perfeita. Ela tem um noivo maravilhoso, pai e amigos adoráveis e a carreira com que sempre sonhou. Mas por que será que ela não consegue afastar as lembranças de uma vida muito diferente?




Título original: Fractured
Autor: Dani Atkins
Editora: Arqueiro
Ano: 2015
Páginas: 235


"— Pensei que algo tinha acontecido na noite do acidente. Algo relacionado ao tempo. Pensei que a realidade tinha...  — Hesitei. Dito em voz alta, aquilo parecia mesmo uma tolice.  Que a realidade havia de algum modo se dividido em duas."


Um grupo de amigos marcam o último encontro deles juntos antes de irem para a faculdade. Cada qual para o seu lado, seguindo novos rumos e trilhando caminhos que escolheram. Até que um acidente naquela noite muda tudo. Passamos a ter uma perspectiva de 5 anos depois. A Rachel, nossa protagonista, foi a mais afetada neste acidente. Uma cicatriz no rosto e uma maior ainda na alma não a deixou se recupera totalmente. Ela nunca se recuperou do acidente. Sua vida tomou rumos jamais desejados. Uma vida solitária, uma carreira não planejada... E é na vida de Rachel que embarcamos, quando ela vai reencontrar esses seus amigos. 


"Muito depois de os gritos cessarem, quando o único som que se ouvia era o choro baixo dos meus amigos à espera da ambulância, eu me dei conta de que ainda apertava a moedinha da sorte na palma da mão. Meus dedos se recusavam a soltar o pequeno talismã de cobre, como se com a simples força de vontade eu pudesse voltar no tempo e apagar a tragédia à minha volta."

Ela não tinha visto nenhum deles, a não ser Sarah, sua melhor amiga. E com uma frequência bem baixa, aliás. Não nos é passado muito de como ela viveu esse tempo, mas pelo resultado dela agora, dá pra supor o que não é mencionado durante a trama. Sarah vai se casar e esse encontro é sua despedida de solteira, até que um outro acidente acomete Rachel, e toda a história muda. Sabe aquela coisa de vidas paralelas? Como se você sentisse que o que está vivendo agora não é sua vida, de fato? É meio assim que ela se sente quando acorda deste acidente. Quem aqui assistiu Fringe vai ter uma boa noção sobre isso quando pensar em universos paralelos. Mas a Rachel que "acorda" depois do acidente afirma que não pertence a esta realidade. Os últimos 5 anos para ela foi totalmente diferente. Outro emprego, outra casa, outra situação emocional e financeira. Ou seja, é toda uma nova vida a que ela vai tentar entender.

"— Não estou falando de viagem no tempo. Talvez tenha acontecido alguma coisa naquela noite, que criou... sei lá... algum tipo de irregularidade no continuum espaço-tempo.
—  E você ao menos sabe o que é continuum espaço-tempo?
—  Não. Mas podíamos achar um especialista, um cientista na área. Alguém que tivesse respostas.
Alguém que não me acharia totalmente louca, concluí, em pensamento."

A partir daí entramos na corrente de situações por qual ela passa para tentar assimilar o que há com ela. Nós sentimos toda a confusão pela qual a personagem passa. Toda dúvida e toda incerteza. O que, afinal de contas, houve? Ela lembra de uma vida, de um intervalo de tempo de 5 anos que ninguém mais lembra. Como se tudo fosse obra de sua mente, ou todo o universo tivesse apagado aquela realidade dela da história. Ela sabe de tudo com tantos mínimos detalhes que não tem como você pensar que é coisas da imaginação. Ela se submete a uma bateria de exames para ver se o acidente a deixou com sequelas, até ser diagnosticada com amnésia. A questão é: ela não esqueceu de nada, simplesmente, a realidade dela é outra. 

"Acho que o que você precisa se perguntar é quanto tempo e energia quer gastar olhando para trás. —  A voz dele mudou, o timbre ficando mais suave e baixo: — A mim, pessoalmente, o seu passado interessa menos que o seu futuro."

Devorei o livro para saber, de fato, o que estava havendo. Torci em todos os momentos para que ela conseguisse viver nessa "nova realidade", já que era beeem melhor que a realidade de onde ela "realmente vinha". É um romance apaixonante que vai te tirar o maior sorriso bobo do rosto, mas também te levará às lágrimas. É algo único. Uma obra que me encantou do começo ao fim. A Dani criou personagens reais e nos apegamos a eles. Nos torcemos para uns e azaramos outros, nós sofremos com Rachel e vibramos quando ela está bem. Ela é uma autora que, com certeza, conquistou meu coração. Espero que venha novos livros da Dani. Terei o maior prazer de me emocionar mais com suas obras. 
Editora Arqueiro, obrigada por trazer esse lindo presente. Adorei a oportunidade de tê-lo lido. E claaaaro, eu preciso falar da capa. Porque eu simplesmente não consigo parar de tocar nela. Além de visualmente LINDA, o tipo do pepel em uma textura deliciosa. Ele até parece macio ao toque. As cores são lindas demais. Eu apaixonei. Diagramação show de bola e revisão perfeita. S2 Não tem como não amar!


Você Deve Gostar Disto:

6 comentários

  1. oi flor, realmente é um livro primoroso com um ótimo enredo para adaptação cinematográfica! me surpreendi com a escrita de Atkins
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thaila! É mesmo, né? Achei o fim digno da trama. Adoraria vê-lo adaptado para o cinema. A Atkins me conquistou.

      Excluir
  2. Oi Dani
    Esse livro também mexeu comigo, terminei ele emocionada!! devorei em alguns dias, perfeito. Inclusive resolvi postar uma vídeo resenha dele no blog, gravei hj, pq só a resenha escrita me pareceu que não consegui demonstrar tudo que senti ao lê-lo.

    Adorei sua resenha.
    Estava com saudads de vi aqui :)
    Super beijo
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nessaaaa!!!! Nossa!! \o/
      Tbm tô com saudades de ir lá no seu cantinho!! <3
      Vou lá conferir a resenha!
      Beijos minha flor!

      Excluir
  3. Que sonho esse livro.
    Achei super interessante.
    Acho que seria um bom filme. (eu sempre penso isso de livros bons! heheh)
    A capa é linda.
    Imagina, a pessoa viver uma vida que na verdade não é verdadeira?!

    bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Né, Zama? Tbm imagino adaptações pro cinema... E nesse, você vai se emocionar muito, amiga!!
      Leia logoooo! S2

      Excluir

Translate

Garotos são bem-vindos!

Google+ Badge