Garotas e livros

Tempestades de Sangue - Kel Costa

Por 09:00 2 comentários



Um minuto de euforia para uma das melhores autoras nacionais que já li na vida! S2
Beleza, agora podemos prosseguir.
Tempestades de Sangue é a turbulenta continuação de Fortaleza Negra (leia resenha aqui), livro que me conquistou assim, de cara. Gosto de mocinhas nada convencionais, de garotas com atitude, de jovens que querem muito mais do que serem salvas pelo príncipe encantado. Ops! Nesse caso, seria o Vampiro Grosso e - como a maioria dos caras fodões e apaixonados - extremamente protetor. Foi quase um ano de espera pelo livro da Kel. E só tenho algo a dizer: EU PRECISO DO PRÓXIMO PRA ONTEM!

Durante o último ataque de mitológicos à Fortaleza Negra, Sasha sofreu perdas irreparáveis. Agora, só o que ela quer é juntar os cacos e seguir em frente. Mas, quando menos espera, ela se depara com um esquema de tráfico de sangue dentro da Fortaleza e resolve usar essa informação para se aproximar de Klaus, o líder dos Mestres vampiros.

Enquanto isso, Mikhail viaja na companhia dos irmãos numa caçada aos mitológicos, e está concentrado em encontrar seus inimigos e dar fim ao grupo que atacou a Fortaleza. Mal sabe ele que enquanto isso, Sasha está se arriscando para desvendar todo o mistério que envolve o tráfico de sangue, ao mesmo tempo que tenta se reaproximar do cientista Blake Campbell e descobrir mais sobre a Exterminator, a arma criada para exterminar os mitológicos, mas que também pode ser uma grande ameaça para os vampiros. Será que Blake está tramando contra os Mestres? Sem que imagine, as investigações de Sasha a levam a percorrer um caminho sem volta que acaba se transformando no seu pior pesadelo.
Título: Tempestades de Sangue
Fortaleza Negra - II
Autor: Kel Costa
Editora: Jangada
Ano: 2015
Páginas: 304

Embarcar nesse mundo dominado pelos vampiros é sempre interessante. Sei que já expliquei muito do atual cenário na resenha de Fortaleza Negra (resenha aqui!), sobre o domínio vampírico sendo o que salvou a humanidade de se auto destruir. Guerras, fome, miséria, violência, corrupção. Tudo isso que vemos hoje em dia e que nos afeta diretamente (educação, saúde, segurança pública, dentre tantos outros problemas), foram erradicados com o governo - por vezes tirano, mas eficiente - dos Mestres vampiros, os primeiros a habitarem a terra. Mas os centauros e minotauros - mais conhecidos como Mitológicos - vem destruindo o que tem pela frente e acabando com os humanos. 

''Eu não estava apenas tomando seu sangue. – Num piscar de olhos, ele estava agachado na minha frente.  Eu estava te matando, querida...''



No primeiro livro temos um grande ponto que é um ataque muito próximo à Fortaleza. O fim do livro 1 é desesperador e quando estamos com o segundo em mãos, o desespero só aumenta. Sasha, nossa diva e protagonista, muito revoltada com a situação em que se encontra, só acaba piorando as coisas. Afinal, vindo dela, tudo - T.U.D.O - pode piorar. Como ela própria diz, ela tenta ajudar, mas acaba se ferrando. Neste livro ela passa a ter muuitas histórias a contar, visto que passa de uma enrascada a outra. Com a ausência de alguns Mestres na Fortaleza, ela acaba tendo que lidar com o pior deles, o primeiro Mestre, Klaus. Nada bom para uma jovem que não sabe quando parar de falar e que não aprende nunca a ficar na dela e obedecer ordens. Acredito que a palavra obediência não consta no seu dicionário, mas ainda bem, até porque são as atitudes audaciosas dela que dá vida a toda a aventura.


"– As vezes fico pensando nisso e sabe de uma coisa? Acho que se tivéssemos sete vidas, como os gatos, eu já teria quase esgotado a minha cota."




Fato é que este livro é cheio de emoção. Sofri horrores. Nos primeiros capítulos ficava folheando as próximas folhas para saber quando Meu Mestre Mikhail iria voltar às cenas. Se eu estava sofrendo sem o Misha, imagine Sasha, tadinha? Sem aquele belo e perfeito vampiro, sem seus beijos e abraços, e sem sua proteção e outras coisitas mais? Ficou difícil. Mas com seu retorno tudo fica melhor: mais quente (coloque aqui aquela carinha saliente do WhatsApp) e mais tenso, bem mais tenso. Ele não faz o tipo apaixonado, doce e romântico. Ele não tem simplesmente nada disso, mas do jeito dele, demonstra o que sente por ela e, como temos - graças a Kel - algumas partes no livro na visão dele, tudo fica mais interessante.

''Eu vivia um carrossel de emoções ultimamente. Pensar em Mikhail me deixava com os nervos à flor da pele. A gente mal tinha começado nosso relacionamento. Eu ainda precisava sentir mais vezes a mão dele segurando minha nuca com força. Os lábios tocando minha pele e deixando uma trilha de fogo por onde passavam. Caramba! Tudo o que eu mais queria naquele momento era que ele aparecesse e me abraçasse.''

Então, o livro é perfeito! Passo a amar cada vez mais esse mundo que a Kel construiu para nós. Deu para ver bem mais desse cenário estilo pós apocalíptico e sua destruição em massa por diversas partes do mundo. Passamos a entender um pouco mais o Mestre Klaus e a admirá-lo. Assim como entendemos a origem dos vampiros e como chegou no mundo em que estão. Vamos falar sobre Klaus: Eu o amo! Ele é uma incógnita ambulante em todos os momentos, amamos e odiamos ele de várias formas, mas a gente acaba se deixando levar quando conhecemos mais dele. S2 Queremos apertar o Kurt e a Lara, amigos inseparáveis de Sasha, e não soltá-los nunca mais. E algo que me surpreendeu: a perspicácia do Adotado. Ou o irmão de sangue da Sasha, dá no mesmo. Mesmo que no finzinho, adorei ver um pouco mais de Victor e a relação dele com a irmã. Gostei mesmo. A Sasha as vezes dá aquele ataques bobos e infantis, mas vi um crescimento imenso da personagem. Daremos um desconto, afinal, ela acabou de fazer 18 anos, tem um relacionamento um pouco complicado com um Mestre vampiro e está na mira da rainha dos Mitológicos.

''– Você me colocou num pedestal e me enxergou da forma como lhe era mais cômoda, Aleksandra. No entanto, você esquece quem eu sou e o que faço. Matar é, sem dúvidas, uma das coisas que mais gosto de fazer e o que faço melhor.''
E o livro tem mais um final bombástico e a kel vai nos deixar roendo as unhas por um tempo, porque, por mim, queria o próximo agora, ontem! É um fato: Amo cada vez mais a trilogia Fortaleza Negra. Se a autora mandou perfeitamente bem nos dois livros, o que esperar do terceiro, então? Sei que vem muito romance por aí, mas cheio de ação, como foi até agora e isso me agrada bastante. Ri demais em várias partes do enredo com Sasha e suas tiradas nada normais com um humor negro meio duvidoso. A Kel me surpreende a cada página virada e eu só quero ler mais e mais dela.  Não é apenas um livro para quem curte romances sobrenaturais. Ele envolve tantas coisas que recomendo ele para TODO MUNDO! Para todo ser que, assim como eu, ama ler, os livros da Kel são uma ótima pedida!  Passei uma noite em claro, quase perdi o ponto em que ia descer no ônibus, a fila da lotérica andou e eu não vi. Sempre concentrada demais nessa história que me conquistou eternamente.

Editora Jangada, obrigada por me mandar esse livro tão bom! Kel, sua Calo Fofo manda beijos e pede mais! hahahaha o/

Você Deve Gostar Disto:

2 comentários

  1. Oi Danni!
    Que delícia sua empolgação, também me sinto assim quando acabo de ler os livros da Kel, estou ansiosa pelo próximo e espero que ainda tenhamos muitas histórias ambientadas nesse universo criado pela autora, os Mestres são incríveis e a Sasha enlouquece todo mundo rsrsrs...
    Beijos... Elis Culceag. * Arquivo Passional *

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eliiis, sua diva! hahahaha
      Meninaaa. Me empolguei mesmo! E nesse livro o Klaus, então... Nossa! Me impressionou! Adoro esse universo que ela criou e torço para ter mais e mais da Kel!
      Beijos

      Excluir

Translate

Garotos são bem-vindos!

Google+ Badge