Garotas e livros

Nada escapa a Lady Whistledown

Por 11:30 0 comentários

 Em Nada Escapa a Lady Whistledown, a cronista eternizada por Julia Quinn continua a revelar os acontecimentos mais apimentados da temporada londrina. Suas colunas são o fio condutor das quatro histórias que formam esta encantadora e divertida coletânea.
Há tanto a ser dito sobre o baile oferecido por lady Trowbridge, em Hampstead, que esta autora não teria como contar tudo em só uma coluna...
Crônicas da sociedade de lady Whistledown, maio de 1813.

Título original: The further observations of lady Whistledown
Autor: Julia Quinn, Suzanne Enoch, Karen Hawkins, Mia Ryan
Editora: Arqueiro
Ano: 2018
Páginas: 319


Primeiro trecho do livro:
"Lady Anne Bishop está de volta à cidade, bem como o restante da alta sociedade, ansiosa para desfrutar do tempo gélido e dos céus encobertos. Londres sofre com uma onde de frio jamais vista em sua história; até mesmo o imponente Tâmisa congelou."


Nas antologias da Julia Quinn sempre tem muitos suspiros, novas descobertas, beijos escondidos e sempre uma mocinha esbarrando em outra. São livros leves, divertidos e apaixonantes e melhor, são livros independentes, apesar de ter a personagem narradora dos fatos - A Lady Whistledown - já conhecida em outras obras. Eu adorei todos os dois volumes já lançados por essas autoras incríveis e espero ansiosa por mais antologias do tipo!

  Um amor verdadeiro - Suzanne Enoch
Prometida a um homem que jamais viu e nunca a procurou por dezenove anos, Lady Anne Bishop aproveitava sua deliciosa liberdade, podendo espantar homens inconvenientes simplesmente falando que já era noiva. O que era bem melhor do que ter sua mãe já tentando lhe arrumar um marido. Mas a fofoqueira Lady Whistledown resolveu citar seu nome na coluna do jornal, abordando um momento em que ela se divertia com um amigo, fazendo com que seu noivo Maximilian, marquês de Halfurst, aparecesse para levá-la. Ela não queria sair de Londres, muito menos com alguém totalmente desconhecido para ela, mesmo que o misterioso Lorde a deixasse sem fôlego. O que ele não esperava, era que sua prometida fosse tão linda e impetuosa, o que só aumentava a vontade de tê-la.
É divertido o jogo da conquista que começa até que os dois se entendam. Há sensualidade em cada gesto, toque e olhar, como também existe a novidade de conhecer alguém que, de fato, lhe transborde.

"– Ninguém é dono do meu coração.
Ele se endireitou.
– Já aceitei esse desafio.
– Não sei por quê. Já disse centenas de vezes que não me casarei com o senhor.
– Ah. – Um leve sorriso curvou sua boca sensual, então ele se inclinou novamente, o cabelo negro, um poco longo demais, cobrindo metade de seu rosto. – A senhorita gosta de discutir, ou é só comigo?"

  Dois corações - Karen Hawkins
A vida de Sir Royce Pemberley, um libertino e aproveitador da solteirice, ia muito bem até saber do provável pretendente de Liza. Elizabeth Pritchard, melhor amiga da sua irmã e sua também, aquela que estava sempre presente para ele, que o entendia como nenhuma outra pessoa no mundo. Ela sabia que estava velha para esperar que o amor da sua vida aparecesse, aos 31 anos já tinha passado da hora de se casar, e o Lorde Durham, o fazendeiro, era alguém que não parecia apenas interessado em seu dinheiro, então por que não lhe dar uma chance?
O que gosto desse conto é a independência da protagonista. Perdeu os pais cedo e teve que se virar desde muito nova. Ousada, com opinião própria sobre tudo, com visão para negócios, dona e investidora da sua fortuna, com roupas em cores sempre extravagantes e um senso terrível de moda, ela sempre era assunto novo na boca do povo. Principalmente quando resolveu criar um macaco e trazer essa "moda" para a sociedade da época. O que não deu muito certo, com exceção dela, já que George era o seu xodó. Mas quando seu melhor amigo parece disposto a provocá-la a ponto de fazê-la abandonar a ideia de casamento, ela fica confusa. Nunca foi imune ao seu charme, apenas sempre preveniu seu coração. O que vemos é uma provocação deliciosa entre eles, e eu juro que queria mais desse casal!


Como que por vontade própria, seus olhos foram atraídos para Royce. Para sua surpresa, constatou que ele também a olhava atentamente, um ponto de interrogação nos olhos azuis profundos. Um súbito arrepio lhe percorreu a coluna, sensação que ela reprimiu impiedosamente. Por Deus, aquilo não era jeito de reagir a um mero olhar, muito menos vindo de Royce Pemberly, que lançava olhares sedutores a não menos do que quarenta mulheres por dia. Liza sabia muito bem, o via fazer isso havia anos."



  Uma dúzia de beijos - Mia Ryan 
A jovem Lady Caroline está prestes a se casar com alguém de que não gosta nenhum pouco, mas um casamento de conveniência é a única coisa que ela conseguiria, já que se acha tão apagada e sem atrativos, nem ao menos com um dote para conseguir algo mais. O que não esperava era que o homem que herdou sua casa depois que o pai morreu e expulsou ela e sua mãe de lá, voltasse a cidade e aparentemente se interessasse nela. Ela não o conhecia, mas sua mãe havia sempre reclamado da forma de que foram despejadas. Ele era um homem de poucas palavras, esnobe, lindo e grosseirão e ela não via como poderia se manter ao lado de uma pessoa as vezes tão instável quanto ele. Mas Lorde Darington tinha uma história que quase ninguém conhecia, e enxergou na quietude e na doçura de Caroline alguém com quem pudesse ser ele mesmo, com seus defeitos e suas qualidades

"Linney acordou e encontrou os três gatos no pé da sua cama, encarando-a. Isso nunca havia acontecido antes, e ela logo percebeu que provavelmente fora tema de uma conversa felina durante a noite anterior."

  Trinta e seis cartões de amor - Julia Quinn
O que seria de uma jovem que foi cortejada por bastante tempo e do nada, ver o seu pretendente pedir a mão de outra mulher em casamento? Susannah Ballister foi grande motivo de falatórios na sociedade quando foi rejeitada e sem o menor aviso prévio sobre isso. O que ela não esperava, meses depois, era que o irmão mais velho de Clive, David, fosse lhe prestar tamanha atenção nos momentos em que se encontravam em eventos sociais e até além disso. O receio de se deixar levar por seus encantos era tão assustador quanto ao de ser enganada e logo depois rejeitada por mais um irmão Renminster, e isso lhe parecia plausível e nem um pouco agradável. Mas a companhia daquele homem era maior de tudo o que ela passou com Clive. E David... Ahhh... David é um homem maravilhoso, eu certamente arriscaria me deixar levar.

"Mas quando a observou deixar o salão – presumivelmente dirigndo-se para onde estava indo quando ele a interceptou –, não conseguiu afastar o sentimento...
Queria mais.
Mais das palavras dela, mais de sua conversa.
Mais dela."


    

Você Deve Gostar Disto:

0 comentários

Translate

Garotos são bem-vindos!

Google+ Badge